Halestorm fala sobre o novo álbum 'Vicious'

Recentemente, o Halestorm concedeu uma entrevista ao Build Series em Nova York, a banda conversou sobre os detalhes do novo álbum 'Vicious' que será lançado no dia 27 de julho e seu primeiro single 'Uncomfortable'.

Confiram:

Sobre 'Vicious' ser o álbum que mais parece com o Halestorm:
Lzzy Hale (vocalista/guitarrista): "Na minha opinião, esse será o primeiro álbum... E nós sempre falamos isso, mas esperamos que tenhamos tornados melhores músicos conforme o tempo e cada álbum lançado. Mas esse será o primeiro álbum que vocês realmente poderão ouvir os quatro cantos do Halestorm e o que nos torna uma banda. E se vocês já nos viram ao vivo, eu acho que é o mais próximo do que viram. Em muitos desses álbuns que lançamos, 'Ok, nós temos uma música cativante e eu canto nela', e então é sobre isso. Portanto, há tantas camadas diferentes para esse álbum que tenho orgulho de mostrar à todos."
Sobre como eles conseguiram transferir essa sensibilidade ao vivo para o estúdio:
Joe Hottinger (guitarrista): "Eu acho que muito disso tem a ver com trabalhar com Nick Raskulinecz, nosso produtor. Ele é incrível. Ele é um grande fã de rock and roll. Por exemplo, nós tocamos em Nashville e ele foi no meio da multidão simplesmente enlouquecendo. Ele simplesmente adora isso."
Tempo que levaram para compor o álbum "Vicious":
Josh Smith (baixista): "Já faz mais de um ano. Mas nós também fizemos tudo - quase tudo - no estúdio de Nick, desde a pré-produção e a composição das músicas, passando-as e gravando-as como uma demo e depois gravamos novamente com algo mudado. Muitas dessas músicas foram gravadas três ou quatro vezes antes disso."
Se eles entraram no estúdio com todas as músicas escritas:
Lzzy: "Não, de jeito nenhum. Geralmente é assim que fazemos - quando temos todas as músicas prontas, todo mundo as aprovam, então nós vamos ao estúdio por um mês e gravamos. E depois a gente conversa sobre, tipo, "é bom? Eu não sei". E desta vez, não. Nós realmente não sabíamos em que direção queríamos nos colocar."

Joe: "Nós tentamos fazer isso. Quando foi mesmo? Verão de 2016, naquele inverno e outono, nós escrevemos um monte de músicas e elas ficaram boas. Elas eram realmente boas - elas teriam se saído bem na rádio e teria sido um bom álbum - mas não foi bom o suficiente. E nós sabemos, apenas como uma banda e como um gênero, nós temos que descobrir como nos elevar um pouco, fazer algo um pouco diferente e um pouco mais. Então, nós fomos para o estúdio em janeiro passado com o Nick e nós estávamos tipo, "Nós não sabemos o que fazer, cara. Nós escrevemos tudo isso e sabemos que está tudo bem, mas queremos ser melhores que isso.' Então ele nos disse, 'Tudo bem. Legal. Vamos começar com nós cinco em uma sala, conecte-se e vamos começar a tocar. Mostre-me o que você tem.'"
Novo single "Uncomfortable":
Lzzy: "Liricamente, isso é sobre não ter remorsos de você mesmo. É algo que nós meio que defendemos e que eu tenho conversado muito com os fãs. On-line, eu tenho um relacionamento incrível com essas pessoas que são bobas o suficiente para nos seguir. Especialmente atualmente, você não pode deixar todo mundo feliz - você simplesmente não pode - e eu sei que tem sido uma luta pessoal para mim ao longo da minha vida. Tudo bem se você não puder deixar todo mundo feliz. Faça-se feliz, seja você e tenha orgulho de que, sendo você mesmo, você deixará muita gente desconfortável."

Arejay Hale (baterista): "Este foi um dos primeiros jams que fizemos no estúdio. Parece que toda vez que vamos ao estúdio depois da turnê, nos sentimos como uma panela de pressão. Parece ser um padrão. Com o último álbum, foi 'Mayhem'; com anterior dele, foi 'Love Bites'. Essas músicas, nós ficamos como: 'Nós só queremos fazer algo louco, com muita energia, divertida de tocar e muito divertido de se ouvir - coisas que gostaríamos'. E apenas por pura sorte, acabam sendo o primeiro single. Todo mundo na equipe pensou "Sim, nós gostamos da energia disso. Vamos fazer isso."
Se críticas sobre "Into The Wild Life" (2015) soar pop acabaram influenciando a direção musical de "Vicious":
Lzzy: "Sim, absolutamente. A melhor coisa sobre os álbuns, nós tratamos toda a nossa carreira como... momentos da nossa vida. E na época em que estávamos escrevendo o último álbum, 'Into The Wild Life', eu acabei escrevendo muitas músicas no piano, era apenas o tipo de humor que nós estávamos. Três de nós nos mudamos para Nashville, então conhecemos esse produtor, fomos a primeira banda de hard rock que ele trabalhou."

Arejay: "Uma coisa legal sobre Nick, foi que ele nos viu ao vivo várias vezes, então ele entendia o que nós éramos. Muitas pessoas dizem 'Uau, vocês soam tão diferentes ao vivo', então ele nos disse "Sabe de uma coisa? Aposto que eu poderia capturar isso", e é por isso falamos que este é álbum que mais se parece com o Halestorm até hoje."