16/06 Halestorm - São Paulo, Brasil

No domingo, o Adrenaline Mob e o Halestorm realizaram os últimos shows da turnê pela América Latina e nós do Halestorm Brazil gostaríamos de compartilhar com vocês a nossa review sobre as apresentações que com certeza, nunca sairão da memória dos fãs que lotaram o Carioca Club em São Paulo.

O Adrenaline Mob deu início do que seria uma noite com apresentações, solos de guitarra e bateria, participações especiais, declarações e homenagens memoráveis.

A banda apresentou as músicas do álbum Omertá (2012) e como aconteceu nos outros shows da turnê, Lzzy subiu ao palco durante o cover Come Undone (Duran Duran) e sentiu um pouco antes dos outros membros do Halestorm a energia dos fãs brasileiros!

Foto por Renan Facciolo

Vídeo:


Logo depois do incrível dueto entre Russell Allen e Lzzy Hale, o vocalista Tim "Ripper" Owens que estava em São Paulo, subiu ao palco para realizar a participação surpresa no cover The Mob Rules (Black Sabbath).

Foi também o último show do baterista Mike Portnoy como membro do Adrenaline Mob, ele foi homenageado pelos fãs no show e agradeceu em sua página no facebook após o show:
Último show SURPREENDENTE com o Adrenaline Mob no Brasil .. talvez um dos melhores que já tive! Acompanhado pela Lzzy Hale durante Come Undone e Tim Ripper Owens em The Mob Rules!
Triste de ver esse capítulo final do AMOB... Espero que um dia na estrada nossos horários podem se re-alinhar e nós poderemos fazer um pouco mais de mágica juntos!! \ m /

Halestorm:

Quando o show do Adrenaline Mob acabou, houve uma pausa para que o palco fosse ajustado para o Halestorm, enquanto isso a ansiedade foi crescendo mais ainda.

Todos estavam preparados para homenagear a banda com as plaquinhas durante as músicas Freak Like Me e I Miss The Misery, além das bexigas brancas e vermelhas em Here's To Us.

O show começou com Love Bites (So Do I) e logo na primeira música, foi possível perceber o motivo de tantos elogios nas apresentações da banda, ainda viria muito mais.

Em Freak Like Me aconteceu a primeira homenagem da noite, todos ergueram suas plaquinhas de "Freak" e surpreenderam a banda. No final da música, Lzzy pediu um tempo aos membros para agradecer, enquanto o guitarrista Joe registrava as imagens em seu celular:
"Brasil, esta noite todos nós neste palco estamos celebrando 10 anos e nesses 10 anos nós nunca vimos isso antes, muito obrigada! Eu nunca esquecerei esta noite!"
Foto por Portal do Inferno
Vídeo:


A banda seguiu sua apresentação impecável com You Call Me a Bitch Like It's a Bad Thing, Dirty Work, Innocence, Rock Show.

Com Lzzy Hale no teclado pronta para começar a tocar Break In, aconteceu um dos momentos mais emocionantes da noite. Antes mesmo de começar a tocar, ela realizou um discurso emocionante a respeito da vinda ao Brasil:
"Eu gostaria de tocar uma música de amor para vocês, Brasil. Esta noite, meu sonho virou realidade. Vocês conhecem meu irmão na bateria, certo? Ele e eu criamos essa banda quando eu estava com 13 anos e ele com 10 anos. E desde que criamos esta banda, nós queríamos vir ao Brasil, foram anos e anos "Por que não vamos ao Brasil?", eu conversei com muitos de vocês no twitter e facebook e todos vocês perguntando "Quando vocês virão ao Brasil?". E finalmente nós estamos aqui, muito obrigada por isso."
No primeiro refrão da música, a vocalista sentiu a emoção do público ao deixar todos seguirem com a letra.

Segue o vídeo:


E por fim, não conteve a sua emoção:
Foto por Renan Facciolo

A setlist continuou com uma das músicas mais queridas do primeiro álbum da banda, Familar Taste Of Posion e em sequência, Arejay Hale mostrou suas habilidades na bateria e para deixar o Drum Solo mais agitado, Mike Portoy, baterista do Adrenaline Mob subiu ao palco e dividiu a bateria com Arejay, os dois continuaram se divertindo com a platéia, até que Arejay deu espaço ao Mike Portnoy para o vê-lo tocar e pular na bateria, Arejay também puxou o coro para homenagear Portnoy, por seu último show com o Adrenaline Mob, e por fim, para o delírio da platéia, Arejay perguntou "E ai brasileiros, tudo bem?" e pegou um papel onde leu também em português: "Eu te amo, com todo o meu coração, São Paulo".

Foto por Portal do Inferno

Vídeo:


Como de costume, foi apresentado o cover Straight Through The Heart (James Dio) com muita energia. Em Daughters Of Darkness, Lzzy dedicou a batida da música para as garotas, se divertiu no começo de Mz. Hyde e a banda tocou I Get Off antes do encore.

Tudo passou tão rápido, até que chegou a hora de colocar em ação o segundo flashmob, os membros deram uma pausa e voltaram com copos e bebidas para celebrar em Here's To Us. Em uma apresentação emocionante os balões brancos e vermelhos enfeitaram o Carioca Club, e ao final da música Lzzy expressou seu amor ao falar em português: "Eu te amo Brasil!"

Foto por Portal do Inferno

Vídeo:


Para fechar o show com chave de ouro, Lzzy e Joe iniciaram um solo e antes de I Miss The Misery ser iniciada, os cartazes com "Oh" foram levantados, deixando os membros surpresos novamente.

Vídeo:


Setlist completa:
1. Love Bites (So Do I)
2. It's Not You
3. Freak Like Me
4. You Call Me a Bitch Like It's a Bad Thing
5. Dirty Work
6. Innocence
7. Rock Show
8. Break In
9. Familiar Taste of Poison
10. Drum Solo (com participação de Mike Portnoy)
11. Straight Through the Heart (Dio cover)
12. Daughters of Darkness
13. Mz. Hyde
14. I Get Off
Encore:
15. Here's to Us
16. I Miss the Misery